skip to Main Content

Sono e imunidade: uma combinação essencial para a saúde

Compartilhe

Dormir bem influencia diretamente no sistema imunológico e na forma que o corpo combate doenças e reage às vacinas

Escrito por:

Natália Mancini


Estudos mostram que sono e imunidade estão altamente ligados e possuem uma relação de reciprocidade. Ou seja, uma noite bem dormida auxilia na defesa do corpo e um sistema imunológico equilibrado ajuda a dormir melhor. Por isso, ter um sono de qualidade é essencial tanto para pacientes oncológicos, quanto para a população em geral, pois favorece o combate de agentes infecciosos, como o novo coronavírus. 

Enquanto estamos acordados, a energia e os processos metabólicos estão focados em possibilitar que realizemos as atividades. Como andar, comer e até mesmo raciocinar. Entretanto, quando dormimos, a energia e os processos são redirecionados para outras funções, dentre elas, o metabolismo do sistema imunológico. Assim, ter uma boa noite de sono beneficia a produção das células de defesa, aumentando a imunidade. O contrário também é válido, isto é, dormir mal diminui a produção dessas células, prejudicando a resposta a um desafio imunológico.

“Trata-se de uma relação de reciprocidade, na qual o sono auxilia o sistema imunológico a se organizar, regenerar e preparar para suas funções de defesa, enquanto o sistema imune participa na indução do sono, na ocorrência do sono profundo (restaurador) e na consolidação da memória, que ocorre enquanto dormimos”, explica o Dr. Álvaro Pentagna, neurologista, coordenador dos serviços de Neurologia de dois hospitais da Rede D’Or São Luiz, e responsável pelo Ambulatório de Sono no Adulto da Divisão de Clínica Neurológica do HCFMUSP.

O especialista conta que pode-se considerar um sono de qualidade quando o indivíduo, ao acordar, sente que foi suficiente, que está restaurado. 

“Em geral, isto corresponde a uma duração entre sete e oito horas e meia de sono. Sintomas noturnos e diurnos como sono agitado, sonolência durante o dia, prostração e ronco também podem ser indicadores de uma má qualidade de sono”, explica o médico. 

16 alimentos superpoderosos

Eles aumentam a nossa imunidade e ajudam muito os pacientes com câncer. Leia mais sobre!

Como a falta de sono enfraquece a imunidade?

Como o sono tem um papel importante na produção das células de defesa do organismo, ao não dormir bem, a pessoa fica com a imunidade enfraquecida. Dessa forma, quando um agente infeccioso invade o corpo, ele não possui “soldados” suficientes para combater a ameaça. Isso pode fazer com que a pessoa tenha maior probabilidade de contrair alguma doença e a recuperação aconteça de forma mais complicada. E, para isso, não é necessário longos períodos dormindo mal, poucas noites são suficientes.

Pessoa Tendo Uma Boa Noite De Sono E Aumentando A Imunidade

“Vários estudos já demonstraram que poucas noites de sono mal dormidas nos expõem a um maior risco de infecções virais e pode afetar a eficácia de diversas vacinas”, afirma o Dr. Pentagna.

Um estudo publicado na revista científica Sleep demonstrou a relação entre sono e imunidade. 164 voluntários tiveram seus hábitos de sono monitorados durante uma semana e depois foram expostos ao vírus do resfriado.

Aqueles que dormiam menos de seis horas por noite tinham 4,2 vezes mais chances de serem infectados em comparação com os voluntários que dormiam mais de sete horas. Dormir menos de cinco horas resultou em uma propensão 4,5 vezes maior a ficar doente. 

Dessa forma, no atual contexto, dormir bem pode não atuar diretamente na prevenção do coronavírus, mas auxilia no cuidado da saúde como um todo e fortalece o sistema imunológico. 

Entretanto, a privação de sono não afeta somente a capacidade de responder a uma infecção. Pode influenciar também no quão eficaz uma vacina pode ser para aquela pessoa específica. Um outro estudo, publicado no periódico científico JAMA, mostrou que a qualidade do sono na noite anterior à vacinação pode reduzir a resposta imunológica. Cerca de 50% dos voluntários analisados que não tiveram um sono de qualidade apresentaram uma redução na resposta imunológica em comparação com aqueles em condições normais de sono.

Profissional Da Saúde Olhando Teste Do Cronavírus

Coronavírus: fortalecendo o sistema imunológico

Cuidar do sistema imunológico não previne ou trata o novo coronavírus, mas ajudam no bom funcionamento do corpo. Leia mais sobre!

Sono e imunidade para pacientes oncológicos

Assim como sono e imunidade estão interligados, câncer e imunidade também estão. Pessoas em tratamento oncológico tendem a ter o sistema imunológico enfraquecido tanto devido à doença em si, quanto por conta das terapias. Dessa maneira, eles se tornam mais vulneráveis a contrair processos infecciosos virais, bacterianos, fúngicos, etc.

Célula Do Sistema Imunológico Enfraquecida

Além de afetar a capacidade do corpo reagir a agentes infecciosos, um sono de má qualidade pode afetar o resultado do tratamento para câncer.

“O sono é um processo protagonista na saúde. Ele interfere em praticamente todo o organismo, na produção e regulação de hormônios e tecidos. Ele tem a capacidade de afetar como as células funcionam, alterar o ambiente onde elas estão e os sinais que influenciam o crescimento delas”, diz o Dr. Álvaro Pentagna.

Mas, é comum que os pacientes com câncer apresentem alteração no sono e durmam demais ou de menos. Assim, algumas dicas de como dormir melhor incluem: 

  • Criar uma nova rotina com horários definidos para dormir e acordar
  • Pratique exercícios regularmente
  • Evite cochilos, especialmente longos, durante o dia
  • Não consuma estimulantes, como cafeína, até seis horas antes de deitar
  • Não utilize aparelhos eletrônicos, como celular e computador, antes de dormir
  • Opte por ler um livro que traga paz e tranquilidade antes de deitar
  • Tome um chá de cidreira, camomila ou lavanda, que possuem propriedades calmantes, antes de dormir
  • Deixe o ambiente escuro 
  • Se certifique que o local de dormir não seja barulhento
  • A meditação é uma boa opção para quem tem dificuldade para diminuir a frequência do corpo
  • A aromaterapia também pode ser uma grande aliada no momento de dormir

Compartilhe
Receba um aviso sobre comentários nessa notícia
Me avise quando
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments

Exelente quantos esclarecimentos.

Escrito por:

Natália Mancini

Back To Top