skip to Main Content

Por que a leucemia linfoide crônica (LLC) pode causar dor?

Homem Com Mais De 50 Anos Com Dor No Corpo
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Apesar de dores e câimbras serem sintomas comuns nos pacientes com esse tipo de câncer, elas devem ser avaliadas e tratadas

A leucemia linfoide crônica (LLC) pode causar dor nos ossos, músculos e articulações, além de câimbras. Há diversas possíveis causas que explicam o aparecimento desses sintomas, mas as principais são devido à própria doença e aos medicamentos utilizados no tratamento. Quando algum desses quadros aparecem, é fundamental que o paciente avise seu onco-hematologista para que o médico possa fazer uma avaliação e indicar maneiras de amenizar essas condições. 

O tratamento da leucemia linfoide crônica, na maioria dos casos, inclui apenas visitas médicas periódicas, chamadas de “watch and wait. Mas, alguns dos pacientes podem precisar de tratamento medicamentoso, como quimioterapia e imunoterapia. Apesar das diferentes estratégias, em ambas as situações o paciente de LLC pode sentir dores e câimbras.

“Câimbras e dores musculares são eventos muito comuns na Onco-Hematologia. Diversas doenças e diversos tratamentos podem causar esse tipo de sintoma. Essas manifestações não são específicas e precisam sempre de uma interpretação médica. Na LLC, não é diferente”, explica o Dr. Marco Aurélio Salvino, coordenador da Unidade Semi Intensiva de Hematologia e Terapias Celulares do Hospital São Rafael, de Salvador, da Rede D´Or e investigador principal de estudos clínicos em Hematologia e CAR-T Cell.

Esses sintomas, muitas vezes, são fortes e, de acordo com o médico, podem interferir no tratamento. Dessa forma, eles não devem ser desvalorizados e, não somente podem, como necessitam ser investigados e receber cuidados.

Por que a LLC pode causar dor?

O Dr. Salvino conta que há quatro principais possíveis explicações para a dor muscular, dor nos ossos e para a câimbra: 1ª) a própria doença; 2ª) tratamentos; 3ª) alterações eletrolíticas, como alterações do potássio e do magnésio e 4ª) questões da própria musculatura do paciente.

O mais comum, entretanto, é que aconteça devido às drogas utilizadas, como a quimioterapia, o ibrutinibe e as moléculas  G-CSFs (fatores que estimulam o crescimento de certas células).

Homem Deitado Na Cama Com Dor Na Perna

Mas, como é preciso identificar o motivo exato que está causando esses desconfortos para poder tratá-los, o recomendado é avisar ao onco-hematologista sobre eles. 

“Ele é o primeiro a perceber se as dores e câimbras estão ligadas à doença de base, ao medicamento ou até alguma outra causa. Quando identificado que não se trata de causas ligadas à terapia ou à LLC, o próprio hematologista, muitas vezes, indica realizar uma avaliação com um ortopedista, por exemplo, ou algum outro profissional de saúde”, o especialista diz.

Leia também:

Como tratar

Segundo o Dr. Salvino, atualmente, há uma série de métodos que podem ser utilizados para minimizar ou resolver esses quadros. Entretanto, ele ressalta que não se deve interromper o tratamento, ou alterar as doses utilizadas, sem indicação médica. O mesmo vale para tomar medicamentos para amenizar os sintomas. 

Pessoa Fazendo Exercícios De Alongamento Para Amenizar A Dor Causada Pela Llc

“Se as dores forem intensas, o paciente pode usar analgésicos, como dipirona ou paracetamol. Isso, contanto que eles estejam dentro dos medicamentos que o indivíduo está autorizado a utilizar”, ele orienta.

A prescrição de uma terapia específica, seja ela por meio do uso de remédios ou tratamentos complementares, como fisioterapia, varia de caso a caso, dependendo do motivo que está causando a dor.

O hematologista aconselha que enquanto o paciente estiver aguardando para passar com o profissional que o acompanha, ele pode fazer alongamento da musculatura mais de uma vez por dia, tomando bastante cuidado, e manter uma excelente hidratação

“Dores musculares, câimbras, são sintomas inespecíficos e comuns, mas, muitas vezes, incapacitantes. Por isso, não podem ser desvalorizados e devem ser alertados para o médico, ele saberá como orientar e resolver esses quadros”, o Dr.Marco Aurélio Salvino finaliza.

Fisioterapia Oncológica


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Receba um aviso sobre comentários nessa notícia
Me avise quando
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments

Gratidão por tirarem minhas dúvidas ❤️

Escrito por:

Natália Mancini

Back To Top