skip to Main Content

O que é o Cromossomo Philadelphia negativo?

Cromossomo Philadelphia, Leucemia Mieloide, Leucemia Cronica, Leucemia Mieloide Cronica, Leucemia Crônica, Cromossomo Filadelfia, Cromossomo Filadélfia, Cromossomo 22 , Cromossomo 9, Cromossomo Philadelfia, Sindrome Do Cromossomo 9, Ph Negativo, Bcr-abl Significado De Filadelfia, Mieloide, Leucemia Mielóide, Mielograma Exame, Leucemia Mieloide Cronica Hemograma, Exame Para Leucemia, Mielograma Resultado, Lmc Tratamento, Proteina Indetectavel, Leucemia Mieloide Aguda Tratamento, Remedio Para Leucemia, Leucemia Cronica Pode Matar, Dasatinibe Preço, Pcr Quantitativo Alto, Leucemia Mata?, Quimioterapia Para Leucemia, O Que é Leucemia Cronica, Medicamentos Para Leucemia, Leucemia Mieloide Cronica Tratamento, Tratamento Alternativo Para Leucemia Linfoide Cronica, Leucemia Mieloide Cronica Alterações Laboratoriais, Leucemia Mieloide Cronica Celulas, Tratamento Da Leucemia Mieloide Cronica, Leucemia Mieloide Cronica Pronostico, Cromossomo Philadelphia Leucemia, Exame Cromossomo Philadelphia, O Que é Cromossomo Philadelphia, Lmc Ph Negativo, Cromossomo Philadelphia Bcr Abl, Leucemia Mieloide Cronica Cromossomo Philadelphia, Cromossomo Philadelphia Positivo, Cromossomo Philadelphia Tratamento, Lmc Ph+, Tratamento Da Lmc
Compartilhe

As pessoas conhecem bastante leucemia mieloide crônica Ph+, mas é possível que o paciente apresente este cromossomo negativo. Entenda o porquê 


Escrito por:

Natália Mancini

O cromossomo Philadelphia (Ph) é o responsável por causar a  leucemia mieloide crônica (LMC). Apesar disso, cerca de 5% dos pacientes com esse tipo de câncer são considerados como Philadelphia negativo. Para esses casos, o diagnóstico é feito de forma diferente, mas o tratamento em si não é alterado.

O material genético, ou DNA, de um ser humano está organizado no núcleo das células em estruturas chamadas de cromossomos. São 23 pares de cromossomos que são numerados, de acordo com o seu tamanho, de 1 a 22. o 23º par são os cromossomos sexuais, ou seja, o X e Y. 

A translocação acontece quando um cromossomo transfere parte do seu gene para outro cromossomo.  Isso é um tipo de mutação genética.

O que é cromossomo Philadelphia

No caso da LMC, a transferência se dá entre o cromossomo 9, que “envia” o gene ABL,  e o cromossomo 22, que “recebe” o gene enviado e o aloca em uma região próxima ao gene BCR. Em seguida, o cromossomo 22 também transfere uma parte do seu material para o cromossomo 9.

“O cromossomo Philadelphia é uma cópia do cromossomo 22 resultante da translocação de material genético com o cromossomo 9. Esta translocação resulta na geração de um gene de fusão BCR-ABL. A formação deste gene é o evento genético responsável pela LMC”, explica a Drª. Fernanda Salles Seguro, Associada da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (ABHH), Médica Hematologista do HCFMUSP e ICESP.

O gene BCR-ABL não é uma exclusividade da LMC, ele também está presente em alguns casos de leucemia aguda.

Cromossomo Philadelphia negativo

cromossomo philadelphia, leucemia mieloide, leucemia cronica, leucemia mieloide cronica, leucemia crônica, cromossomo filadelfia, cromossomo filadélfia, cromossomo 22 , cromossomo 9, cromossomo philadelfia, sindrome do cromossomo 9, ph negativo, bcr-abl significado de filadelfia, mieloide, leucemia mielóide, mielograma exame, leucemia mieloide cronica hemograma, exame para leucemia, mielograma resultado, lmc tratamento, proteina indetectavel, leucemia mieloide aguda tratamento, remedio para leucemia, leucemia cronica pode matar, dasatinibe preço, pcr quantitativo alto, leucemia mata?, quimioterapia para leucemia, o que é leucemia cronica, medicamentos para leucemia, leucemia mieloide cronica tratamento, tratamento alternativo para leucemia linfoide cronica, leucemia mieloide cronica alterações laboratoriais, leucemia mieloide cronica celulas, tratamento da leucemia mieloide cronica, leucemia mieloide cronica pronostico, cromossomo philadelphia leucemia, exame cromossomo philadelphia, o que é cromossomo philadelphia, lmc ph negativo, cromossomo philadelphia bcr abl, leucemia mieloide cronica cromossomo philadelphia, cromossomo philadelphia positivo, cromossomo philadelphia tratamento, lmc ph+, tratamento da lmcConsidera-se que o paciente de LMC tem o cromossomo negativo quando o especialista não consegue encontrá-lo por meio do exame de citogenética. Isto é, o Ph negativo não significa que a pessoa não possui essa mutação genética. Somente indica que não há como visualizar a alteração por meio do teste de cariótipo.

O exame de cariótipo, ou citogenética, é um método que permite visualizar todos os cromossomos. Para realizá-lo, coleta-se uma amostra do sangue da pessoa, em seguida, é feito o cultivo de algumas células. Quando elas atingem a etapa da divisão celular na qual os cromossomos estão mais visíveis, adiciona-se um corante especial. Assim, é possível avaliar as estruturas e verificar se há alguma mutação.

“Entretanto, em algumas situações a translocação de material entre os dois cromossomos não é visível e podem ser necessários outros métodos para diagnosticar a LMC. Ou seja, detectar a presença do gene BCR-ABL”, diz a Drª. Fernanda.

Ela conta que, nessas situações, o diagnóstico da LMC é feito ou pelo teste de hibridização in situ (FISH) ou reação em cadeia da polimerase (PCR). Isso acontece porque, dessa forma, é possível detectar o gene de fusão BCR-ABL.

Comumente, o termo “cromossomo Philadelphia” é abreviado para Ph. Quando ele está junto com o sinal de positivo (+), indica que é possível detectar o cromossomo, então a abreviação fica LMC Ph+. Por outro lado, quando ele não está visível, acompanha o sinal de negativo (-), sendo possível reduzir para LMC Ph-.

Tratamento da LMC Ph-

cromossomo philadelphia, leucemia mieloide, leucemia cronica, leucemia mieloide cronica, leucemia crônica, cromossomo filadelfia, cromossomo filadélfia, cromossomo 22 , cromossomo 9, cromossomo philadelfia, sindrome do cromossomo 9, ph negativo, bcr-abl significado de filadelfia, mieloide, leucemia mielóide, mielograma exame, leucemia mieloide cronica hemograma, exame para leucemia, mielograma resultado, lmc tratamento, proteina indetectavel, leucemia mieloide aguda tratamento, remedio para leucemia, leucemia cronica pode matar, dasatinibe preço, pcr quantitativo alto, leucemia mata?, quimioterapia para leucemia, o que é leucemia cronica, medicamentos para leucemia, leucemia mieloide cronica tratamento, tratamento alternativo para leucemia linfoide cronica, leucemia mieloide cronica alterações laboratoriais, leucemia mieloide cronica celulas, tratamento da leucemia mieloide cronica, leucemia mieloide cronica pronostico, cromossomo philadelphia leucemia, exame cromossomo philadelphia, o que é cromossomo philadelphia, lmc ph negativo, cromossomo philadelphia bcr abl, leucemia mieloide cronica cromossomo philadelphia, cromossomo philadelphia positivo, cromossomo philadelphia tratamento, lmc ph+, tratamento da lmcDe acordo  com a hematologista, o método é o mesmo que o utilizado para pacientes que têm o cromossomo Philadelphia positivo. O tratamento é feito com os inibidores de tirosina quinase, com o Imatinibe, Dasatinibe ou Nilotinibe.

Da mesma forma, o prognóstico não sofre alteração de um tipo de LMC para outro, também não há diferença de agressividade e a sobrevida de um paciente de LMC, em fase crônica, é semelhante independente se ele tem Ph+ ou Ph-.

“Não há diferença no quadro clínico ou tratamento. Se um paciente apresentar quadro clínico sugestivo de LMC, além do exame de cariótipo é importante realizar a pesquisa do gene de fusão BCR-ABL”, aconselha a Drª. Fernanda Salles Seguro.

 

Como lidar com os efeitos colaterais do  tratamento da leucemia mieloide crônica

É hora de descontinuar o tratamento da LMC?


Compartilhe
Receba um aviso sobre comentários nessa notícia
Me avise quando
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Escrito por:

Natália Mancini

Back To Top