skip to Main Content

Menstruação durante o tratamento oncológico

Menstruação, Menstruação Durante A Quimioterapia, Efeitos Colaterais Da Quimioterapia, Hemorragia Menstrual Apos Quimioterapia, Quimioterapia Desregula Menstruacao, Menstruação Atrasada, Menstruação Irregular, Fluxo Menstrual, Menstruação Ciclo, Coisas Que Podem Atrasar A Menstruação, Quimioterapia, Hormonioterapia, Sequelas Da Quimioterapia, Fluxo Menstrual, Retorno Da Menstruacao Apos Quimioterapia, Tamoxifeno E Menstruacao, Depois Da Quimioterapia, Tratamento Oncológico, Ausencia De Menstruação Pode Ser Cancer, Cancer Atrasa Menstruação, Cancer De Mama Altera A Menstruação, Falta De Menstruação Pode Ser Cancer, Menstruação Prolongada Pode Ser Cancer, Fertilidade Remédio Para Menstruar, Menstruação Após Quimioterapia, Menstruação E Quimioterapia, Quimioterapia Desregula Menstruação, Quimioterapia Interfere Na Menstruação, Quimioterapia Pode Atrasar Menstruação, A Menstruação Atrasa Durante A Quimioterapia, Quimioterapia E Fertilidade, Quimioterapia Efeitos Colaterais, Efeitos Colaterais Quimioterapia, Efeitos Colaterais Da Quimioterapia Branca, Como Amenizar Os Efeitos Colaterais Da Quimioterapia, Quais Os Efeitos Colaterais Da Quimioterapia, Efeitos Colaterais Quimioterapia E Radioterapia, Parar De Menstruar, Infertil, Infértil, Menopausa Precoce, Quem Não Menstrua Mais Pode Engravidar, Tratamentos Para Engravidar, Quimioterapia Infertilidade, Como Identificar A Infertilidade Feminina, Leucemia, Leucemia Sintomas, Sintomas Leucemia, Menstruação Excessiva, Leucemia No Sangue, Pessoas Com Leucemia, Leucopenia, Leucemia é Cancer, Sintomas De Leucemia Aguda, O Que é Leucopenia, Leucopenia O Que é, Causas De Leucopenia
Compartilhe

Alterações na menstruação é um dos possíveis efeitos colaterais durante esse processo. É preciso ficar atenta, pois elas podem ser um sinal de infertilidade


Escrito por:

Natália Mancini

É comum que a menstruação e o ciclo menstrual sofram algumas alterações durante o tratamento contra um câncer. Mesmo sendo normal, é importante falar sobre o que está acontecendo com o oncologista e com o ginecologista para confirmar se está tudo bem. Na maioria dos casos é possível controlar essas mudanças e a situação se normaliza após o fim do tratamento.

A menstruação é o processo de descamação e eliminação do endométrio, tecido que reveste o útero. Durante o ciclo menstrual, esse tecido se prepara para  abrigar o embrião, entretanto se não ocorrer a fecundação do óvulo, o endométrio se desprende e é eliminado. Assim, há o sangramento e, em seguida, todo o processo recomeça. Em geral, o ciclo menstrual dura de 25 a 30 dias, porém esse tempo pode variar de mulher para mulher.

No caso das pacientes em tratamento oncológico, é possível que elas apresentem menstruação irregular enquanto o tratamento durar.

“A quimioterapia afeta o funcionamento do ovário e faz com que, muitas vezes, as células germinativas sejam destruídas. Dessa forma, interferindo na mulher que ainda menstrua e fazendo com que ela pare”, diz o Dr. Luiz Henrique Gebrim, diretor do Hospital Pérola Byington.

Por outro lado, no caso de mulheres que realizam a hormonioterapia, é possível que aconteça o contrário. Como essas medicações podem estimular o funcionamento do ovário, essas pacientes podem ter um aumento no fluxo menstrual. Isso acontece, por exemplo, no caso do câncer de mama tratado com tamoxifeno.

“É possível corrigir com medicamentos sem problemas, mas não afeta a fertilidade”, o Dr. Gebrim conta.

Outros fatores psicológicos, como estresse devido ao câncer ou a algum procedimento que será realizado, também podem afetar a menstruação. Entretanto, as alterações são pequenas e transitórias, ou seja, o ciclo menstrual volta ao normal em pouco tempo.

Menstruação, quimioterapia e infertilidade

menstruação, menstruação durante a quimioterapia, efeitos colaterais da quimioterapia, hemorragia menstrual apos quimioterapia, quimioterapia desregula menstruacao, menstruação atrasada, menstruação irregular, fluxo menstrual, menstruação ciclo, coisas que podem atrasar a menstruação, quimioterapia, hormonioterapia, sequelas da quimioterapia, fluxo menstrual, retorno da menstruacao apos quimioterapia, tamoxifeno e menstruacao, depois da quimioterapia, tratamento oncológico, ausencia de menstruação pode ser cancer, cancer atrasa menstruação, cancer de mama altera a menstruação, falta de menstruação pode ser cancer, menstruação prolongada pode ser cancer, fertilidade remédio para menstruar, menstruação após quimioterapia, menstruação e quimioterapia, quimioterapia desregula menstruação, quimioterapia interfere na menstruação, quimioterapia pode atrasar menstruação, a menstruação atrasa durante a quimioterapia, quimioterapia e fertilidade, quimioterapia efeitos colaterais, efeitos colaterais quimioterapia, efeitos colaterais da quimioterapia branca, como amenizar os efeitos colaterais da quimioterapia, quais os efeitos colaterais da quimioterapia, efeitos colaterais quimioterapia e radioterapia, parar de menstruar, infertil, infértil, menopausa precoce, quem não menstrua mais pode engravidar, tratamentos para engravidar, quimioterapia infertilidade, como identificar a infertilidade feminina, leucemia, leucemia sintomas, sintomas leucemia, menstruação excessiva, leucemia no sangue, pessoas com leucemia, leucopenia, leucemia é cancer, sintomas de leucemia aguda, o que é leucopenia, leucopenia o que é, causas de leucopeniaA principal preocupação com as mudanças na menstruação causadas pelo tratamento contra o câncer não está na irregularidade em si. A questão é que com a destruição das células germinativas, os óvulos, é possível que a mulher fique infértil. Ou seja, há a possibilidade dela não conseguir mais ter filhos.

De acordo com o Dr. Gebrim, quanto mais nova a paciente for, maiores as chances de voltar a menstruar normalmente e continuar fértil. Entretanto, em geral, se ela tiver entre 40 e 45 anos, possivelmente voltará a menstruar, mas não será fértil. Acima dos 45 anos, há grande chances de entrar na menopausa precoce, não menstruando e nem possuindo óvulos. 

Então, quanto mais jovem a mulher, maior a chance de ela voltar a menstruar normal e manter a fertilidade. Obviamente, depende também do tipo de tratamento que é usado e o tipo de câncer, se é de mama ou uma leucemia. Isso varia de acordo com o tempo e com a dosagem das quimioterapias”, diz o médico.

Ele ainda comenta que em alguns tipos de câncer de mama a menopausa precoce é, na verdade, uma aliada. Isso acontece, especialmente, nos casos em que o tumor é estimulado por hormônios. Então, como na menopausa há uma menor quantidade de hormônios circulando, antecipá-la faz parte da estratégia de tratamento.

Já para as mulheres jovens que ainda querem ter filho após o tratamento oncológico, há métodos para preservar a fertilidade. Assim, mesmo que a terapia interfira nos ovários, ela poderá ter filhos.

“Coletamos o óvulo da paciente para que caso as funções ovarianas não se restabeleçam depois do tratamento, ela possa engravidar com aquele óvulo criopreservado”, diz o médico.

Geralmente, a menstruação retorna de 3 a 6 meses e, após isso, é analisado se a paciente pode e consegue engravidar. Caso ela não consiga de forma natural, utiliza-se o óvulo que está guardado.

 

Lidando com o prazer durante o câncer

Quarto de isolamento do TMO – Muitos cuidados são necessários!


Compartilhe
Receba um aviso sobre comentários nessa notícia
Me avise quando
27 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments

Já estou na menopausa a precosse depois de mais de um ano e meio eu voltei a menstruação é normal ou não

Ola tenho SMD e Plaquetas baixas tenho sangramento varias bezes no mês e tomo Tamisa 30 anticoncepcional e fiz uso de Azacitidina 9 ciclos de 7 dias com intetvalo de 21 dias..Nao sei mais o q fazer para ficar sem sangrar .Os médicos m receitam Postan 500mg .Transamim 250mg mas não ajuda muito .
Obgda

Procure um fisioterapeuta ele vai te ajudar

Faço quimioterapia e minha menstruação continua normalmente é possível que a quimioterapia não esteja fazendo efeito? Tenho ca de intestino

Olá, sou paciente com leucemia faço uso do anticoncecional Ciclo 21 e mesmo assim fazendo o tratamento e tomando o remédio ainda estou menestruando, é normal?

Eu tive câncer de mamã é tô tomando anastrozol e minha menstruação desse de vez em quando .isso é normal?

Bom dia eu sissa tenho 49 anos vai fazer 1 ano que fiz quimioterapia e não veio mais menstruação pode vim denovo ou não

Oi queria uma ajuda ,tenho mioma uterino,faço tratamento ,câncer de mama ,será terei que tirar o útero ,após finalizar as quimioterapia e radioterapia ,o c a era hormonal
Tive muito sangramento nas primeiras quimio,agora parou ,São seis falta duas

Eu tomo anticoncepcional a alguns anos e comecei a tomar tamoxifeno a um mês atrás, minha menstruação não desceu é normal?

Ola! Tive linfoma nao Hodgan e depois outro tipo cancer no esofago foram 6 anos de tratamento e 2 transplantes de médula Nao mestruo 7 anos posso engravidar ?
Tenjo 47 anos

Meu nome é Daniele faço tratamento de câncer no rim com o medicamento PEMBROLIZUMABE daí queria saber se esse medicamento para a menstruação, porque a minha já faz 3 meses que não vem?…

Boa noite!
Estou em tratamento de câncer de mama, fiz 4 sessões vermelhas e 12 brancas, desde setembro de 2021, terminei agora no fim de março de 2022. Até janeiro menstruei normal, porém uso Diu de cobre, menstruei triplicado até esse mês. Mas o meu corpo estava expulsando o Diu, ele estava um pouco fora do lugar, tive que retirar e colocar outro,desde então não menstruei mais. Corre algum risco de eu estar grávida?

Boa noite, tive um câncer no colo do útero.fiz químio, rádio e braquioterapia em 2019.Não tenho mestruacao desde agosto de 2019,corro o risco de engravidar tenho 49 anos

Me chamo Letícia tenho 24 anos, tratei um Linfoma de Hodgkin em 2017 que recidivou em 2019 e depois novamente em 2020. Fiz 3 protocolos de quimioterapia e no último após conseguir ficar limpa o médico me encaminhou ao transplante de medula autologo. Fiz ele em agosto de 2021 e hoje estou bem, mas a minha menstruação não voltou. Será que não vai voltar mais? Essa questão tem me preocupado muito ultimamente. Agradeço se puderem responder.

Escrito por:

Natália Mancini

Back To Top